Como escrever um artigo para blog de sucesso?

como escrever um artigo para blog de sucesso

Uma pesquisa da eMarketer feita em Agosto de 2010 apresentou um aumento de 31% de blogs, se comparado aos anos anteriores. Logicamente, este número deve ser bem mais expressivo hoje em dia, mas o fato é que o blog tem se tornado cada vez mais popular para gerar negócios e atrair clientes para sua empresa.

Talvez outra pesquisa, desta vez da HubSpot State of Inbound de 2013 nos ajude a entender esse fato. Segundo o estudo, 79% das empresas que possuíam um blog neste ano relataram ter um ROI positivo em marketing.

O baixo investimento para manter um blog e o retorno garantido, são algumas das coisas que tem feito as empresas migrarem nesta estratégia de marketing de conteúdo. Entretanto, ter um blog e gerar conteúdo não basta para aumentar o faturamento da sua empresa e expandir a sua carteira de clientes.

Você deve investir em artigos para blog de qualidade. Cuidar com a escrita, gramática, ortografia e, acima de tudo, levar informação realmente relevante para a sua audiência.

Então, se você está gerando conteúdo para o seu blog, mas ainda não viu nenhum resultado, veja sete dicas de como escrever um artigo para blog de sucesso e impulsionar os seus resultados com o marketing de conteúdo.

1.     Selecione um bom tópico

A primeira dica é: escreva sobre aquilo que sua persona quer ler. A fórmula de sucesso para qualquer texto para blog é despertar a atenção dos leitores, e uma boa dica para isso é escrever sobre aquilo que eles estão buscando diariamente.

Jon Morrow, um especialista em blogging, disse em um de seus textos que o segredo para escrever um artigo para blog de sucesso é selecionar temas que 80% dos seus leitores achariam irresistíveis.

Mas como chegar a um bom tópico?

Simples, você antes precisa conhecer o seu público-alvo. Assim vai ter algumas pistas do que eles buscam diariamente na internet. Também poderá descobrir quais assuntos mais chama a atenção de sua persona.

Depois você pode usar de ferramentas de marketing digital para descobrir tópicos quentes. Entre elas o Planejador de palavras-chave do Google, Google Trends, UbberSuggest e outros para pesquisas de palavras-chave.

Ainda pode usar do BuzzSumo e Google News, por exemplo, para conhecer os assuntos mais populares nas redes sociais e toda a internet.

Outra sugestão é praticar o benchmarking e acompanhar o que seus principais concorrentes estão fazendo.

E por último, mas não menos importante, você pode selecionar algumas das dúvidas mais comuns com seu departamento de vendas e respondê-las em seu blog.

2.     Converse com o leitor

Não é porque você está escrevendo em seu escritório, sozinho, que o artigo para blog precisa parecer um monólogo. Também não quer dizer que você precisa falar às multidões só porque o seu blog recebe milhares de visitas todos os dias.

Você deve ter o objetivo de atingir o maior número de pessoas com o seu conteúdo, mas lembre-se que isso será feito aos poucos. Ou seja, uma pessoa por vez!

Então, crie um diálogo prazeroso e pessoal com o seu leitor. Fale diretamente para ele, como se estivessem a conversar pessoalmente. Isso ajuda a dar mais personalidade e o tom correto para seus artigos para blog.

Para fazer isso substitua algumas palavras simples de seu texto. Ao invés de falar vocês ou eles, diga você ou nós.

Esta simples dica ajuda a criar mais intimidade com o leitor e o faz sentir que os seus textos para blog foram produzidos sob medida para ele. E cá para nós, quando falamos em marketing de conteúdo, quanto mais pessoal e específico for o seu artigo para blog mais chances de atingir o seu objetivo.

Lembre-se que o foco é o leitor, o seu potencial cliente. Neste caso, o seu texto para blog deve traduzir isso.

Liste dicas que realmente façam a diferença na vida dos leitores. Compartilhe métodos e técnicas que os ajude a se livrar de um problema. Foque na pessoa por trás da tela e a faça se sentir especial em seu blog e os números vão começar a aparecer.

3.     Menos é mais

Sabe qual é a parte mais chata de ler livros ou artigos acadêmicos? Eles possuem muita informação, tanto conteúdo que acaba nos confundindo em certo ponto.

O artigo de seu blog não pode ser assim. Ele deve ser escrito de forma concisa e direta, sem rodeios e procurar facilitar a leitura.

Chamamos isso de escaneabilidade em marketing de conteúdo. Mas você pode ter ouvido falar em leitura dinâmica que é basicamente a mesma coisa.

O internauta vive em mundo agitado e com muitas distrações. Ele tem poucos segundos para decidir se deseja ler ou não o texto para blog que você criou. Então, ajude-o a tomar a melhor decisão.

Escreva frases e parágrafos curtos e diretos. Não use excessos de pontuações, pois isso torna a leitura muito cansativa. Veja os dois exemplos abaixo e me diga qual deles é mais fácil de entender:

Trata-se de um texto sobre adolescentes e crianças mimadas.

“Criados como se tivessem todos os direitos, como se fossem merecedores de constantes elogios e reconhecimento por tudo que fazem, acham-se especiais e têm dificuldade de se adaptar à vida em sociedade, quando deixam a redoma do lar ou da escola”.

Ou

“Criados de forma extremamente mimada e protetora, não conseguem se adaptar ao mundo real. Especialmente, quando suas vontades não podem ser atendidas.”

Os dois fragmentos dizem a mesma coisa, mas de forma diferente. Viu como a segunda opção está mais enxuta e simples? Assim deve ser o seu artigo para blog.

4.     Seja simples e direto

Ninguém gosta de espertalhões, aprenda isso. Neil Patel, um grande nome em marketing digital, disse em seu blog uma vez: Por mais duro que seja, os leitores de seu blog não se importam com você.

Eles não querem saber de suas vitórias, derrotas ou desafios. Querem que você os ajude a resolver um problema e gere valor na vida deles. Claro que enquanto faz isso, você é recompensado.

Mas tenha em mente que o seu blog não é para você e nem sobre você ou sua empresa. Então, não gaste o seu tempo tentando mostrar o quanto você sabe sobre o assunto. Não se canse em tentar mostrar aos leitores que você sabe mais que eles, ninguém gosta de pessoas assim.

Seja simples e direto. Use palavras de fácil compreensão, que fazem parte do dia a dia de seu público-alvo.

Não tente parecer esperto usando palavras difíceis. Se você fizer isso, os leitores de seu blog podem não entender a informação. Achar que você é um esnobe e nunca mais voltar ao seu blog por isso.

Antes de escrever qualquer coisa ou utilizar palavras em seu texto, pergunte-se: essa é uma palavra comum, simples e de fácil entendimento? Se a resposta for não, substitua este termo por algo mais simples.

Não se esqueça de que uma mensagem só tem sucesso quando ela pode ser entendida pela pessoa que ouve ou lê o texto. Deste modo, facilite a vida de seu público-alvo, afinal de contas, ninguém costuma ler artigos para blog com um dicionário a mão.

5.     Faça a sua pesquisa

A menos que você seja um Einstein no seu mercado de atuação, vai precisar dedicar algum tempo para pesquisa antes de começar a montar o seu texto para blog.

Você já ouviu alguma pessoa dizer que para escrever bem é preciso ler muito? Eu aposto que sim!

Não é a toa que a maioria dos escritores também gosta de ler muito e sobre assuntos diversos. A escrita é uma boa oportunidade para fazer pesquisas e aprender coisas novas.

Você ficaria surpreso se eu lhe contasse quantas coisas aprendi nos últimos meses com a geração de conteúdo para mais de 200 clientes. São temas diversos, públicos diferenciados e, embora, hoje eu conte com a ajuda de redatores freelancers tive de escrever alguns textos no início.

Antes de começar a escrever o texto para o seu blog, faça uma pesquisa. Uma boa dica é montar um briefing com as suas ideias e fazer pesquisas prévias. Assim quando for escrever de fato terá mais controle sobre o que deve ser dito e qual a linguagem mais adequada.

Acompanhe outros blogs de destaque em seu mercado. Não espie apenas para saber o que andam fazendo, mas aproveite para aprender com eles e aperfeiçoar o seu conhecimento. Você pode, inclusive, aproveitar de algumas informações deles para criar novos conteúdos em seu blog ou comprovar o que está dizendo.

Crie resumos de pesquisa, link para sites de autoridade, compartilhe dados do mercado com a sua audiência. Deste modo, você não só ganha pontos com os mecanismos de pesquisa, como mostra aos leitores que fez o seu dever de casa.

6.     Crie perguntas e responda

Engajar o leitor, este é o maior desafio em um artigo para blog, principalmente, quando o conteúdo é extenso.

Você deve passar todas as informações necessárias em seu artigo e, em alguns casos, se depara com um super artigo de 4000 mil palavras e aí vem o desafio: como manter o leitor engajado do início ao fim e fazê-lo ler o texto completo?

A resposta pode ser mais simples do que você imagina. Faça perguntas no decorrer do texto e apresente as respostas logo em seguida. Assim como fiz nestes dois últimos parágrafos, percebeu?

Mas porque fazer perguntas?

Elas forçam o leitor a pensar sobre o assunto e instintivamente a tentar responder o seu questionamento. Além disso, se você fez o seu trabalho de pesquisa do jeito certo, é bem provável que essas perguntas também representam as dúvidas de seu público-alvo.

Sendo assim, você gera engajamento, curiosidade e vontade de ler o artigo até o fim com essa simples técnica.

As perguntas também são ótimas para garantir que o leitor está acompanhando o seu raciocínio. É lógico que você não vai estar perto para ouvir as respostas, mas as perguntas seguidas de respostas ajudam a colocar o leitor na mesma sintonia que você.

7.     Feito é melhor do que perfeito, ou quase!

Eu sou muito exigente com os artigos para blog produzidos em nossa agência. Também não poderia ser diferente, pois um deslize de nossa parte pode significar a perda de um cliente.

Contudo, em alguns casos, eu preciso parar e pensar um pouco. Neste período eu busco aplicar um pouco de bom senso, para me certificar que os meus traços de perfeccionismo não estão atrapalhando o andamento do trabalho.

É muito comum e indicado que você faça revisões incansáveis de ortográfica, gramática, concordância e etc. Mas também não precisa beirar o exagero!

A escrita para a internet é totalmente diferente de uma redação de vestibular, por exemplo. Se eu fosse escrever aqui da mesma forma que faria em uma dissertação técnica, é bem provável que você não aguentaria ler nem o segundo parágrafo.

Isso porque a escrita técnica é complicada demais, cheia de regras que podem atrapalhar o entendimento da mensagem.

Isso não quer dizer que você deva ignorar todas as regras de português e muito menos escrever de forma errada. Entretanto, tenha em mente que algumas regras serão quebradas no caminho e deve ser assim.

A escaneabilidade e usabilidade devem ser soberanas em seu artigo para blog se quiser que ele acumule bons resultados. Então, se precisar ignorar uma regra ou outra de ortografia, faça isso!

Lembra-se da dica #2? É assim que deve ser escrito o seu artigo para blog. Deve parecer uma conversa informal e entre amigos. Por isso, não procure a perfeição literal, você não vai encontra-la na escrita para a web.

Conclusão

Um artigo para blog de sucesso é determinante para sua estratégia de marketing de conteúdo. É através dele que as pessoas vão conhecer a sua empresa, se tornar leads de sua lista de contatos, comprar os seus produtos e finalmente se transformar em verdadeiros fãs de seu negócio.

As boas práticas que regem o sucesso de um texto para blog, incluem muitos fatores. Neste artigo listamos alguns deles para ajudá-lo a criar textos melhores e conseguir mais tráfego qualificado para suas páginas.

Você viu neste artigo como conhecer o público-alvo de seus artigos é determinante para escolher os temas adequados para o seu blog e, assim, despertar a atenção de sua persona. Também listei algumas ferramentas para ajudá-lo a encontrar bons tópicos para os seus artigos para blog.

Você também pode ver que o seu artigo para blog deve ser personalizado e específico para sua audiência, de modo a criar mais relevância e conexão com os leitores de seu blog. Neste contexto, fazer uma boa pesquisa e adicionar informação útil em seu texto também pode ajudar a aumentar a credibilidade de seu site.

Outra coisa muito interessante para relembrar é que você não deve pecar pelo exagero quando falamos em escrever um artigo para blog de sucesso. As frases e parágrafos de seu texto devem ser curtas, diretas e usar de palavras simples e comuns ao leitor. Mesmo que, algumas vezes, isso signifique quebrar uma regra ou outra de gramática.

Eu espero que estas dicas tenham sido úteis para você. Não deixe de baixar o nosso Guia de marketing de conteúdo para criar uma estratégia infalível para o seu negócio.

guia de implantação marketing de conteúdo

Junte-se a mais de 413 alunos e descubra como atrair mais clientes com o marketing de conteúdo!

César Ribeiro

César Ribeiro é o CEO do RedatorOnLine.net e consultor de marketing para pequenas empresas e profissionais liberais. Atua com marketing digital e marketing de conteúdo há mais 8 anos. Autor, empreendedor e apaixonado pela internet.

Website: https://redatoronline.net

2 Comentários

  1. Adorei o artigo! Essa questão de envolver o leitor, realmente faz diferença. Muitas vezes a gente se cansa em um texto de 500 palavras e consegue ler um super artigo, com 4.000 palavras ou mais! É como ler um livro, se a história te prende, você não consegue parar de ler.
    Parabéns pelo trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *