Cuidado com o perfeccionismo ao empreender!

O sonho de empreender geralmente tem origem no desejo do empreendedor de criar o seu negócio. Então ele vai lá, elabora o seu plano e coloca em prática. Monta a sua loja, desenvolve seus produtos e serviços e começa a comercializá-los.

cuidado perfeccionismo ao empreender

Para o empreendedor, o seu negócio é como se fosse o seu “baby”. Ele se apaixona pelo que criou devido a todo o esforço e suor que colocou para tornar aquele sonho realidade.

Em função disso muitas vezes desenvolve um hábito de querer que saia tudo com perfeição. E, por causa disso, acaba se tornando um empreendedor perfeccionista.

Perfeccionismo x Qualidade!

Primar pela qualidade de produtos e serviços é um excelente hábito e deve ser cultivado em qualquer negócio. Mas isso é diferente de perfeccionismo.

O perfeccionismo acontece quando você passa do ponto e fica querendo continuar trabalhando no que está fazendo indefinidamente, tendo uma grande dificuldade de dar por concluído mesmo quando já se atingiu um estágio adequado para tal.

Um empreendedor assim pode, por exemplo, perder a oportunidade de lançar um produto no mercado e desperdiçar os melhores retornos. Tudo porque acha que o produto ainda não está pronto e precisa continuar a ser trabalhado para melhorar.

O problema é que muitas vezes não se tem um bom conceito do que é essa “perfeição” e por isso nunca se chega lá.

Grandes empresas adotam práticas de estabelecer uma data para lançamento do produto e anunciam essa data ao mercado. Assim criam um compromisso de não atrasar a entrega trabalhando para concluir o melhor produto possível no prazo estabelecido.

Já as startups de tecnologia, por exemplo, trabalham com o conceito de MVP (Minimum Viable Product, ou Produto Mínimo Viável). A ideia é lançar um produto funcional rapidamente no mercado para testá-lo, mas fazendo isso no menor tempo e com o menor investimento possível.

Empreendedores menores precisam observar esse tipo de comportamento e procurar adaptá-lo a sua realidade. Perder tempo com os excessos do perfeccionismo pode gerar um alto custo para o negócio.

Você acha que tem esse perfil? Se considera um perfeccionista na hora de empreender? Então, veja algumas dicas de como trabalhar esse seu lado.

Como deixar o perfeccionismo de lado ao empreender [Infográfico]?

perfeccionismo ao empreender

Gostou desse conteúdo sobre perfeccionismo ao empreender? Inscreva-se na Lista VIP para receber em primeira mão outros pots como este. Clique aqui e cadastre-se grátis!

Junte-se a mais de 421 alunos e descubra como atrair mais clientes com o marketing de conteúdo!

Juan O’Keeffe

Juan O’Keeffe

Juan O’Keeffe é empreendedor, mestre em Administração de Empresas pela PUC-RS e escreve sobre desenvolvimento pessoal no blog Evolução Pessoal.

Website: https://www.evolucaopessoal.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *