[Guia Prático] Como definir a persona de seu negócio?

Persona é uma palavra muito comum nos dias de hoje, qualquer pessoa relacionada a marketing digital, fala muito nos vários tipos de persona, como definir a de seu negócio, etc… etc.c

persona

O ponto fundamental é que sua empresa simplesmente não pode atender a todo mundo, mesmo você desejando isto no fundo de sua alma. Deste modo, você precisa conhecer exatamente o seu público-alvo e mais especificamente, as pessoas dispostas a comprar de você, ou seja, a persona de sua empresa.

Veja neste post o que é persona, a diferença em relação a audiência e como definir o público ideal de seu negócio. Confira!

Diferença entre persona e audiência

O maior erro que você pode cometer em marketing de conteúdo é confundir persona com audiência. O principal motivo para isso é que, como vimos acima, apenas um deles trará dinheiro para o seu negócio.

Entretanto, a audiência também tem o seu lugar ao sol quando falamos em marketing de conteúdo. Você pode utilizá-la, por exemplo, para gerar autoridade para sua marca e conseguir prova social. Não se preocupe, pois vamos falar um pouco mais sobre isso!

O que será mais fácil, em sua opinião: atrair novos fãs para uma página no Facebook com 50 curtidas ou até menos, ou para uma de mais de 10 mil seguidores? Com certeza, você respondeu a segunda opção.

Pois é, este fato não pode ser questionado por nenhum especialista. O poder dos números é tão forte que já foi chamado de “efeito manada” no marketing e movimenta diversos setores.

Repare quantas vezes você já se deparou com uma fila em uma casa noturna, acredite é proposital para provocar a atenção das pessoas que passam por ela e incitá-las a querer entrar, assim como você que já está na fila.

Voltando ao exemplo da página no Facebook com mais de 10 mil fãs, talvez, você se surpreenda em saber que a maioria delas realmente não conhece a empresa, ou nunca chegou a fazer uma compra. Elas estão ali apenas pelo poder da massa e dos números, claro!

Exemplos de personas para você se inspirar!

O conceito de persona ainda não ficou claro para você? Então, veja alguns exemplos práticos de persona para se inspirar.

Exemplo de Buyer persona 01:

exemplo de persona marcus art

MARCUS ART
Dono de negócio e profissional liberal

Empresa: Comércio e Serviços
Idade: 25 a 34 anos
Gênero: Masculino
Educação: Ensino técnico/ superior
Gosta de viajar, interesse em tecnologia e negócios.

MÍDIAS

Usa muito o celular, Facebook, e E-mail. Tem preferência por mecanismos online para se manter informado.

OBJETIVOS

O Marcus quer ver seu negócio crescer e aumentar o seu faturamento, não se importa muito em investir e o montante, desde que o retorno seja comprovado e rápido. Marcus pretende atrair, converter e fidelizar seus clientes, gerando autoridade para sua empresa/ negócio através do marketing de conteúdo.

DESAFIOS

Marcus é basicamente o "faz tudo" de seu negócio. Ele atende ligações, faz pagamentos, faz contato e cotação com fornecedores. Ele vive na correria o dia todo. Ele gosta de usar a internet para pesquisar empresas e fornecedores, faz compras e comparações de preços pela internet com muita frequência e, embora, não faça parte da geração Y, sente-se muito confortável com a tecnologia e internet.

Marcus se mantém informado sobre marketing de conteúdo, SEO e melhores práticas para divulgar sua empresa na internet. Tem seus objetivos claros e, por isso, deve ser impactado por resultados.

COMO PODEMOS AJUDÁ-LO?

Como tem uma rotina muito corrida, fica constantemente sem tempo para gerar conteúdo para o seu blog/ site. Ao mesmo tempo, sente-se pouco confortável com a escrita e linguagem formal, por conta disto, precisa terceirizar o serviço para manter seus canais atualizados.

O serviço de produção de artigos é basicamente o carro chefe para ele, porém, está suscetível a adquirir consultorias em longo prazo com a visualização dos resultados de nosso trabalho.

Quer gerar uma persona como essa? Use o nosso Gerador de Personas Grátis. Clique aqui para acessar!

Exemplo de Buyer persona 02:

VANESSA

Idade: 28 anos

Gênero: Feminino

Relacionamento: Solteira

Mora em São Paulo, na região do ABC (São Bernardo e Diadema).

Vanessa ainda mora com seus pais, trabalha em um emprego em que não se sente realizada e é solteira. Ela é tomada pelo sentimento de frustração, de que não fez o que deveria ser feito, ou que está deixando a desejar para si mesma e para seus entes queridos.

A Vanessa é uma pessoa retraída e até certo ponto tímida. Ela tem pouca autoconfiança e baixa autoestima, o que a impede de agarrar as oportunidades com unhas e dentes e realizar todos os seus objetivos de vida.

Ela se compara com seus irmãos, amigos e pessoas próximas que são realizadas e se sente menor que eles. Estas pessoas moram sozinhas, são autoconfiantes e correm atrás do que querem, ou pelo menos é isso que ela pensa e vê. Isto faz com que a Vanessa os admire e queira ser igual a eles.

Ela sabe que pode ser mais, que pode ir além e que é capaz de realizar todos os seus sonhos. Mas como convive em um ambiente em que as pessoas também agem da mesma maneira que ela, sente dificuldade em sair da zona de conforto, mudar e lutar pelo que realmente quer.

Ao mesmo tempo é tomada por crenças limitantes e pensamentos negativos como: não sou capaz, não posso fazer sozinha, e se eu falhar, não vai dar certo, etc.

MÍDIAS

Google, Facebook, Instagram e WhatsApp.

OBJETIVOS

Quer ser mais autoconfiante;

– Acreditar que é mais e merece mais;

– Ser uma referência para outras pessoas;

– Se sentir mais segura e feliz;

– Deseja ter independência financeira;

– Busca uma qualidade de vida fantástica;

– Almeja ter sucesso na carreira.

DESAFIOS

– Sente que não tem apoio das pessoas a sua volta para lutar pelo que deseja;

– Muitas vezes se deixa levar pela mentalidade “mediana” do ambiente em que vive e não faz nada para mudar;

– Não sabe lidar com as crenças limitantes e nem entendê-las. Sente que tem bloqueios que a impedem de seguir, mas não sabe quais e nem como contorná-los;

– Precisa aprender a parar de dar desculpas e agir, silenciar o “diálogo interno” e suas justificativas;

– Provar que é capaz de realizar as coisas e que “ela deu certo”, pois seus parentes e pessoas próximas a julgam como fracassada por ainda morar com os pais e “não ter conquistado nada”;

– Dificuldade em sair do casulo, ela se sente protegida na casa dos pais e eles a apoiam muito (tanto psicológica como financeiramente). Isso a deixa insegura para “seguir com as próprias pernas” e os próprios pais a desencorajam em fazer isso, às vezes.

COMO PODEMOS AJUDÁ-LA?

O Silva é coach e ajuda as pessoas a serem mais felizes através de suas realizações. O foco do processo é desenvolver pessoas para que possam utilizar o máximo de potencial existente para conquistar e realizar.

Ao passar pelo processo, a Vanessa irá se libertar de bloqueios que a impedem de agir, assim executará mais com mais assertividade. Ela irá saber como definir uma meta que leve em consideração o que é mais importante para ela, assim terá mais determinação para execução da mesma.

Quer gerar uma persona como essa? Use o nosso Gerador de Personas Grátis. Clique aqui para acessar!

Como definir sua persona em marketing de conteúdo?

banner definindo persona

Agora que você já sabe a diferença entre persona e audiência, levando em conta que a primeira é o seu comprador, é hora de definir o perfil de seu cliente e personalizar a sua empresa para ele. Vamos nessa?

Para auxiliá-lo no processo de definir a persona de seu negócio, vamos dividir em 5 passos simples…

1º passo – Informações básicas

Comece listando as informações mais básicas de sua persona, como idade, sexo, formação acadêmica e nome fictício.

Estas informações são indispensáveis para transformar sua persona em uma pessoa real, palpável e com necessidades a serem atendidas.

Afinal, pessoas diferentes exigem métodos distintos para atraí-las e fideliza-las. Além disso, um homem de 40 anos possui uma mentalidade totalmente diferente de um jovem de 20 anos, não é mesmo?

As informações básicas servem para definir outros pontos de sua estratégia de marketing de conteúdo e ajudam a identificá-lo em meio a uma multidão crescente de potenciais compradores.

2º passo – Descubra as mídias favoritas

Entenda por mídias qualquer plataforma ou equipamento que sua persona utiliza para se conectar a internet e, consequentemente a sua empresa. Para responder a este ponto, leve em conta como o seu cliente chega até o seu site.

Ferramentas de análise, como o Google Analytics, por exemplo, permite que você descubra qual a plataforma, sistemas operacionais e demais detalhes dos usuários que acessam o seu site. Assim, use dessas informações para definir quais as mídias mais utilizadas por sua persona e procurar otimizar sua empresa a este cenário.

A sua persona usa muito o celular? Então, cogite a hipótese de otimizar o seu site para dispositivos móveis, se ainda não o fez, ou ainda lance um app para smartphone e tablets de sua empresa. Fique o mais próximo possível de sua persona e faça parte dos pequenos momentos.

Sua persona está quase sempre nas redes sociais? Publique conteúdo de forma constante em sua Página no Facebook, por exemplo, e a transforme em carro chefe de sua estratégia de marketing de conteúdo.

banner definindo persona

3º passo – Os objetivos/ interesses

O que move a sua persona? Quais acontecimentos ou sonhos seriam capazes de fazê-lo mudar ou, quem sabe, comprar de você?

Estas são algumas perguntas para ajudar a definir os objetivos e interesses de seu cliente, em seguida, você pode trabalhar estes interesses em seu produto e transformá-lo na solução dos problemas de seu cliente.

Trabalhe os objetivos e interesses de seu cliente em seu produto, transforme-o em solução para os problemas de sua persona e veja suas vendas crescerem de forma alarmante.

4º passo – Desafios para alcançar sua persona

Assim como qualquer pessoa, a persona de seu negócio possui medos, receios e resistências a determinados assuntos. Estes conceitos que acompanham o seu cliente, podem se tornar desafios para que você o atinja efetivamente.

Sua persona é resistente a mudanças, enquanto sua empresa oferece um produto/ serviço inovador? Então, você precisa quebrar essas objeções e tornar o seu cliente mais confiante na hora da compra. Mostre os benefícios do produto, como ele de fato pode ajudar a sua persona.

A persona de seu negócio não tem intimidade com os meios digitais? Cogite trabalhar com catálogos, livretos, banners ou coisas mais palpáveis e condizentes com a realidade de seu cliente.

5º passo – Como podemos ajudá-lo?

Aqui está o ponto mais importante deste processo, como sua empresa/ produto pode ajudar a sua persona?

Liste neste segmento os diferenciais oferecidos pelo seu negócio, no entanto, foque realmente na solução do problema da persona. Não adianta querer vender pedra a um mineiro, ele precisa das ferramentas!

Você vende um carro? Sua persona não vai comprá-lo apenas para locomoção, a marca, estilo de vida, modelo e beleza do automóvel também são importantes. Muitas vezes, seu cliente adquire o bem pelo status que ele pode promover ou a solução de seus problemas no dia a dia.

Não queira vender produtos ou serviços simplesmente, comercialize emoções, momentos, sentimentos. Essas transações comerciais atuais são mais eficazes e trazem bons retornos para sua empresa, experimente!

E você, ainda não conhece a persona de seu negócio? Assista essa aula gratuita e online sobre como definir a persona de seu negócio e baixe o nosso modelo para definir a sua!

banner definindo persona

Junte-se a mais de 600 alunos e descubra como atrair mais clientes com o marketing de conteúdo!

César Ribeiro

Avatar

César Ribeiro é o CEO do RedatorOnLine.net e consultor de marketing para pequenas empresas e profissionais liberais. Atua com marketing digital e marketing de conteúdo há mais 8 anos. Autor, empreendedor e apaixonado pela internet.

Website: https://redatoronline.net

3 Comentários

  1. Meu amigo adorei essas informações de como saber diferenciar e conhecer personas para nosso negócio, me abriu muito os olhos e vou passar a observar todos esse tópicos e aplica-los ao meu negócio. Muito obrigado pela ajuda!

    • Oi Arylson!
      Fico feliz que tenha gostado.
      Fique a vontade para consumir outros conteúdos do blog! 🙂

  2. Pingback: Melhores produtos para vender na internet? - Dropshippingnapratica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *