O que é landing page e por que você deve criar uma?

landing page

Já foi dito outras vezes aqui no Blog que no marketing digital você pode mensurar e controlar quase tudo. A landing page é um exemplo deste controle em sua estratégia de marketing na internet.

Talvez, você esteja pensando que criar uma landing page é fácil. Afinal, juntar um formulário de captura, uma boa recompensa digital e o call-to-action não parece muito difícil, certo? Na verdade, não é tão simples quanto parece.

O maior objetivo de uma landing page é converter, mas todos os recursos da página devem estar otimizados para alcançar tal feito. Por conta disto, na maioria das vezes as dezenas de páginas de conversão criadas simplesmente não geram resultado.

Por outro lado, ainda existem empresas e empreendedores que negligenciam esta importante ferramenta do marketing digital. Seja por falta de conhecimento, ou porque ainda não conhecem os benefícios de uma landing page eficaz, ainda é pequeno o número de pessoas as usam em seu dia a dia.

Vou procurar reverter a situação, começando por explicar em detalhes o que é uma landing page e, em seguida, discorrer os motivos e vantagens para você criar uma o quanto antes. Então, se você quer ficar acima da média no marketing digital e aumentar a sua conversão, não pode deixar de ler este artigo até o fim.

O que é uma landing page?

Também chamada de página de destino, entrada ou conversão, refere-se a primeira página que seu visitante encontra ao clicar em um link patrocinado de sua empresa, ou resultados orgânicos em mecanismos de pesquisa.

Uma landing page pode ser utilizada por diversos motivos. Mas, os mais comuns deles são aumentar a sua lista de contatos, convertendo os visitantes da página em assinantes de sua lista, e a venda de determinado produto ou serviço, com o intuito de levar o visitante a compra.

Em termos práticos, significa juntar um conteúdo de qualidade (gratuito ou pago) e reduzir ao máximo as distrações. Uma landing page padrão deve ter o seu objetivo bem claro e manter nela apenas os recursos indispensáveis para alcançar o resultado desejado.

Veja o exemplo abaixo:

landing page ebook marketing de conteúdo

Landing page ebook marketing de conteúdo

A landing page acima é utilizada no RedatorOnLine.net para atrair novos assinantes à nossa lista de contatos. Em troca, o recém-inscrito recebe um Guia completo sobre o Marketing de Conteúdo e como usar em seu negócio.

Perceba a simplicidade na estrutura desta landing page. Um banner em 3D a esquerda com a capa do eBook, a direita um formulário de captura, o botão call-to-action e os ícones das redes sociais ao fim.

Como foi dito anteriormente, o objetivo da landing page precisa estar evidente. Em nosso exemplo, fica claro para o visitante que ele deve registrar o seu email para receber o material gratuito.

Não existe menu com links para outras páginas ou qualquer coisa que possa fazer o lead sair da página sem completar o objetivo: inscrever-se para receber o eBook grátis. Assim deve ser projetada a sua landing page, com foco absoluto na conversão.

Mas, e se fosse uma página de vendas?

Bom, neste caso você poderia adicionar mais conteúdo para facilitar a venda, como depoimentos de clientes antigos, mais especificações do produto ou serviço, talvez um vídeo e assim por diante.

Entretanto, não são regras inquestionáveis, tudo depende do seu objetivo e precisa ser testado incansavelmente até você atingir os resultados que deseja.

Apenas tenha em mente que os atributos mais importantes de uma landing page são:

Visual: Corresponde a tudo que pode ser visto e admirado em sua landing page. A capa do eBook é um exemplo, mas você pode adicionar neste item o layout geral da página, cores, vídeos, botões, etc.

Para ter o melhor resultado possível garanta que o visual de sua landing page esteja equilibrado e chamativo, a ponto de despertar o interesse dos visitantes a fazer aquilo que você deseja.

Headline: Na tradução livre significa título ou manchete e diz respeito a frase em destaque de sua landing page. Geralmente, é o fragmento que usamos para despertar o interesse do visitante ao que está sendo oferecido na página.

Em nosso exemplo: “Quer atrair mais clientes e aumentar as suas vendas?” é uma conexão com a necessidade/ dor do público-alvo desta página e promove a inscrição na página. A sua headline deve ser chamativa logicamente, mas também autêntica, ou seja, você deve cumprir o que promete.

Conteúdo: Corresponde a parte descritiva da página, onde você passa mais detalhes da recompensa oferecida ou produto anunciado. Dependendo do que está oferecendo e objetivo de sua landing page, o conteúdo precisará ser maior ou menor.

É comum usar o conteúdo da landing page para quebrar objeções e gerar mais autoridade para o que é oferecido, especialmente, quando não é possível fazer isso apenas em sua headline.

CTA: call-to-action ou chamada para ação é a última cartada de sua página de destino para levar o visitante a cumprir o objetivo proposto. Pode ser expresso através de um botão, o mais comum, ou mesmo uma frase no final da landing page com um link, por exemplo.

A parte mais importante é que o seu call-to-action deve ser convincente o suficiente e não deixar dúvidas. Utilize palavras de ordem como: clique aqui, baixe agora, comprar agora e assim por diante.

SEO: Não pense que a objetividade da landing page diminui a importância do SEO, pelo contrário. Se o seu objetivo é atrair inscritos para sua lista, como em nosso exemplo, ter visitas gratuitas todos os dias nesta página seria muito bom, não acha?

Por isso, as regras de SEO também devem ser levadas em conta na criação de sua landing page. Comece por escolher uma palavra-chave de qualidade, repeti-la na URL, headline, meta tags e prestar atenção especial para sua densidade no conteúdo. Não desperdice a oportunidade de tráfego gratuito para sua página!

Por que criar uma landing page?

Ok, agora você já sabe o que é uma landing page e viu algumas dicas para obter melhores resultados com elas. Vamos nos concentrar desta vez nas vantagens para o seu negócio, ou seja, por que você deve criar uma efetivamente.

Mas não se esqueça que os objetivos podem mudar de pessoa para pessoa. Então, abaixo vou listar alguns benefícios mais genéricos, porém, tenha em mente que não há limites para sua empresa se beneficiar com uma landing page.

Veja algumas das razões mais comuns para você criar uma landing page hoje mesmo:

1.      Capturar emails

Sim, uma landing page também pode ser utilizada como página de captura e ajudar a aumentar os inscritos em sua lista de emails. Você já sabe o quanto o email marketing é eficaz, então, não é preciso discorrer sobre tudo isto novamente.

Uma squeeze page, como as páginas para criação de listas são conhecidas, são as formas mais comuns de landings pages e talvez as mais fáceis de criar e ter boa taxa de conversão. Isso porque, é relativamente mais fácil convencer alguém a se inscrever em sua lista com uma boa e gratuita recompensa digital, não é mesmo?

Então, se o seu objetivo é criar ou aumentar a sua lista de emails, uma landing page bem estruturada aliada a uma recompensa tentadora, podem ajudá-lo nesta tarefa.

2.      Criar um funil de vendas

Um funil de vendas é a forma mais rápida e fácil de transformar seus leads em clientes. Com uma página de destino isso pode ser conseguido de forma ainda mais simples. De acordo com a página de entrada no funil ou última visita de um lead, por exemplo, você pode conhecer em qual etapa ele está ou a melhor oferta para oferecer.

As landing pages se tornaram grandes aliadas do funil de vendas, graças aos pixels de conversão e rastreamento. Hoje, é possível “perseguir” um determinado usuário pela internet através das redes de anúncios pelo simples fato dele ter acessado o seu site anteriormente.

Por conta disto, se você deseja conhecer a jornada do comprador de sua empresa por completo, criar landing pages com pixels de rastreamento é a melhor forma para isso.

3.      Vender um produto/ serviço

Sim, não poderíamos nos esquecer das vendas. Você vai querer vender, uma hora ou outra, para sua lista de contatos, fãs do Facebook e leitores de seu blog, afinal, é assim que você paga as suas contas, não é mesmo?

Você pode criar uma página de vendas exclusiva para cada produto ou serviço que deseja promover, o que não deixa de ser uma landing page também. A sua página de vendas deve manter toda a atenção em convencer o seu visitante a clicar no botão comprar e finalizar o pedido.

Crie uma página de vendas para evitar abandono no carrinho de compras de seu site ou serviço contratado para este fim. Uma página com um vídeo e um botão, é suficiente para convencer as pessoas a comprarem o seu produto, desde que ele seja legítimo, é claro!

4.      Fazer teste A/B

Testar… testar e testar! Esta é a palavra de ordem no marketing digital e com landing pages não poderia ser diferente. Você pode criar quantas páginas achar necessário, mudando pequenos aspectos em cada uma delas (headline, CTA, conteúdo, visual ou recompensa) e ver qual delas ajuda a converter mais pessoas.

A possibilidade de testar é um dos benefícios mais importantes de qualquer landing page. Nem sempre, ou melhor, quase nunca você conseguirá atingir a perfeição logo na primeira tentativa. Os testes A/B ajudam a identificar onde está errando e como melhorar os seus resultados facilmente.

Não se limite a criar apenas uma landing page para cada objetivo de sua empresa, ao invés disso, configure variações para ficar cada vez mais próximo da conversão perfeita para o seu negócio.

5.      Aumentar a sua conversão

Por fim, vem a conversão, uma das métricas mais importantes do marketing digital para qualquer empresa. Esta é a maior vantagem de qualquer landing page para seu negócio, elas ajudam a aumentar consideravelmente a sua taxa de conversão.

Vale lembrar, que conversão pode ser entendida como a conclusão de um objetivo ou meta por parte de seus visitantes ou leads e, como vimos a objetividade das landing pages torna esse processo mais fácil e assertivo.

Comece por definir as suas metas e objetivos e em seguida use do call-to-action para aumentar as conversões em seu site significativamente.

Resumindo…

Neste artigo você viu o que é uma landing page efetivamente, conheceu os aspectos básicos de uma página de conversão e algumas dicas para melhorar os seus resultados com elas. Não podemos esquecer também, de nossa pequena lista de motivos para você criar a sua o quanto antes.

Acredito que agora você é capaz de compreender a importância de uma página de destino para a sua estratégia de marketing de conteúdo. Agora você estará mais disposto a rever as suas páginas de conversão e dedicar uma atenção especial para esta importante ferramenta de marketing digital.

Antes de finalizarmos, é importante ressaltar que uma landing page deve ser configurada de forma profissional, pois, ela é a primeira impressão que seus visitantes terão de seu site e empresa.

Por isso, todo o cuidado é pouco na criação de uma landing page. Afinal de contas, você não quer passar a impressão errada logo no primeiro contato, não é mesmo?

Não se esqueça também de providenciar conteúdos que realmente sejam valiosos para sua audiência. O fator determinante para o sucesso de qualquer estratégia de marketing é ouvir a sua persona e alinhar os seus esforços para atendê-los.

Por último, aproveite a sessão de comentários abaixo para deixar as suas dúvidas sobre landing pages. Terei o maior prazer em contribuir com o seu aprendizado e ajudá-lo a obter resultados melhores com as páginas de conversão.

Se você tem histórias bacanas para compartilhar conosco, deixe o seu comentário abaixo e ajude aos demais leitores com sua experiência. Fique a vontade também para partilhar com alguém que está precisando ver isto.

Junte-se a mais de 413 alunos e descubra como atrair mais clientes com o marketing de conteúdo!

César Ribeiro

César Ribeiro é o CEO do RedatorOnLine.net e consultor de marketing para pequenas empresas e profissionais liberais. Atua com marketing digital e marketing de conteúdo há mais 8 anos. Autor, empreendedor e apaixonado pela internet.

Website: https://redatoronline.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *