Como fazer a otimização de sites, efetivamente?

O sonho de qualquer dono de site é chegar às primeiras páginas do Google, especialmente, se você puder ocupar as primeiras posições dos resultados orgânicos e com uma palavra-chave realmente qualificada, ou seja, um número grande de buscas e uma alta relevância para o seu produto ou serviço. Mas, para isso, é preciso saber como fazer otimização de sites.

como fazer otimização de sites

Todo este movimento para ganhar pontos com o Google criou uma verdadeira “corrida do ouro”, e para fins didáticos vamos chama-la de otimização de sites para fins de SEO. Mas como podemos fazer a otimização de sites de forma efetiva e assim chegar às primeiras páginas do Google mais facilmente?

Primeiro você precisa entender o que é realmente o SEO. No artigo “O que é SEO e como ele pode ajudar o seu negócio de verdade?”, você pode entender os detalhes desta técnica e conhecer algumas das vantagens mais importantes para trabalhar com ele na produção de conteúdo de sua empresa. Eu recomendo que você comece por ler este artigo!

Em segundo lugar, você deve entender do que se trata a otimização de sites. Este termo se tornou muito comum no marketing de conteúdo, mas nem todas as pessoas o compreendem de fato. A melhor forma de você atingir seus objetivos, sejam eles quais forem, é conhecer exatamente o caminho que está seguindo e aonde quer chegar, não é mesmo?

Por último, há uma série de regras para deixar o seu site mais amigável para os mecanismos de pesquisa, porém, você deve começar por entender de fato como o Google pensa e buscar deixar o seu site mais condizente com aquilo que o gigante das pesquisas deseja encontrar. Sem mencionar que durante todas essas etapas você não pode se esquecer do elemento mais importante nesta equação: o usuário.

Então, se você também está na corrida mais famosa do século para aparecer nas primeiras posições do Google, continue a ler o artigo e descubra como fazer otimização de sites de forma efetiva, bem como, melhorar as suas chances de obter tráfego qualificado e gratuito para sua páginas.

O que é otimização de sites?

Otimização de sites é um conjunto de regras para fins de SEO que ajudam os mecanismos de pesquisa a encontrar, classificar e organizar as informações de seu site. Em outras palavras, são pequenas ações que facilitam o trabalho do Google a entender do que o seu site está falando, qual a relevância deste conteúdo para o usuário e, mais importante, como os visitantes de seu site reagem quanto a isso.

A mais pura verdade é que o Google adora os sites que facilitam o seu trabalho. Levando em conta esse ponto, a otimização de sites deve usar de critérios on-page (dentro da página) e off-page (fora da página) para organizar o seu conteúdo e classificá-lo perante aos mecanismos de pesquisa.

Como regra geral, desde que você faça o seu dever de casa, o seu site ou blog pode ser facilmente encontrado e exibido aos usuários nos principais buscadores, como o Google, Yahoo e Bing.

Mas, como entender o que o Google está buscando e deixar o seu site preparado para esta visita célebre? Simples, pensando da mesma forma que os sites de pesquisa pensam e adotando estas medidas em sua estratégia de SEO.

banner checklist seo

Pensar como o Google pensa!

Este é talvez o conselho de maior qualidade para melhorar os seus resultados com o tráfego orgânico. Qualquer pessoa que puder descobrir o que é realmente relevante para o Google na hora de indexar um site, teria em suas mãos uma fórmula mágica capaz de colocar qualquer empresa nos primeiros resultados.

O fato de esta informação ser tão poderosa, também é um dos principais motivos por não conseguimos desvendar este mistério tão facilmente. No entanto, existem algumas pistas que podem nos ajudar a entender a forma como o Google pensa e adotar algumas medidas para impulsionar o tráfego gratuito em suas páginas.

Basicamente, os pilares fundamentais do SEO se resumem a dois critérios básicos: relevância e autoridade. Vamos buscar entender como cada um deles funciona e como isso impacta o seu site diretamente?

Relevância

A relevância de um site ou blog é medida através da qualidade de seu conteúdo, arquitetura da informação (on-page) e a usabilidade. Isso quer dizer que quanto mais qualidade tiver o seu o conteúdo, mais organizado ele se apresentar aos buscadores e maior a preocupação com a experiência do usuário, também aumentam significativamente as suas chances de ocupar os resultados orgânicos e aumentar o tráfego de seu blog.

Embora se tratem de assuntos minimamente complexos, perceba que eles podem ser facilmente “manipulados” por você. Então, vamos ver como usar cada um deles a favor do posicionamento de seu site.

Produzir conteúdo de qualidade

A primeira dica e a mais óbvia de todas é gerar conteúdo de qualidade. Assim, além de aumentar a sua relevância com os mecanismos de pesquisa, também ganha pontos com os leitores de seu blog.

Quanto mais aprofundados forem os seus artigos para blog, mais chances de você chegar às primeiras páginas do Google e outros sites de busca. Mas atenção perceba que eu mencionei aprofundamento e não tamanho do texto, isso foi de propósito!

Nem sempre o tamanho do artigo será determinante para afetar os seus resultados de SEO. Lembre-se que a qualidade supera e muito a quantidade de palavras em um texto e também não se esqueça que os algoritmos do Google, sim existem vários, conseguem identificar esta diferença.

Otimização on-page

Depois de garantir que a sua estratégia de marketing de conteúdo é a melhor para impressionar o Google e seus usuários, você deve se ater as qualidades internas de seu site para chamar a atenção dos buscadores.

A arquitetura da informação, ou otimização on-page é a forma como você apresenta o seu conteúdo para os usuários e buscadores. Em linhas gerais é usar das tags de título (H1, H2, H3, H4…) para distribuir o conteúdo, adicionar imagens e vídeos para complementar a informação, contar com a meta descrição para descrever o conteúdo da página e ter um sitemap para reunir as suas páginas em único lugar e ajustar a sua prioridade de indexação.

Outros fatores importantes para a otimização on-page são a densidade da palavra-chave, campo semântico dos textos e links internos.

A densidade refere-se ao número de vezes que a sua palavra-chave principal aparece em toda a página. O consenso é que ela não deve ultrapassar 2% em relação ao número de palavras, mas também deve ser aplicada com bom senso em seus artigos para blog. Ou seja, você deve empregar esta repetição de forma contextualizada, com sentido, humanizada e não apenas para fins de SEO.

Já o campo semântico leva em conta as palavras diretamente relacionadas com o seu conteúdo. Ela utiliza termos muito conhecidos e utilizados em seu tema para identificar o assunto principal do texto, mas principalmente analisar a complexidade do artigo, ou seja, quão fundo você chegou com este conteúdo, ou qual a relevância real deste conteúdo para o usuário. Lembre-se que quanto mais aprofundamento e relevância, mais pontos com o Google!

Os links internos, por sua vez, podem ser usados em sua estratégia de SEO para impulsionar algumas páginas de seu site. Você poderia usar um texto já bem posicionado com o Google para melhorar a indexação de outro adicionando um link em um termo qualificado para o segundo texto, por exemplo.

Mas e o usuário de seu site, onde ele fica em tudo isso? Você não pensou que o foco seria apenas o Google, não é mesmo?

banner checklist seo

Usabilidade, o fator mais importante!

A primeira coisa que você deve ter em mente é que nem todos os sites otimizados para SEO agradam aos usuários, contudo, a maioria das páginas que ocupam as primeiras posições do Google está ali não só porque conquistaram os corações dos buscadores, mas, principalmente, de seus leitores fiéis.

Tendo isso em mente você deve garantir a melhor experiência possível para o usuário de seu site para que ele se torne um leitor fiel de seu blog, bem como melhorar a satisfação com o seu conteúdo nas redes sociais e ganhar mais pontos com o SEO.

Medidas práticas para fazer isso incluem princípios de usabilidade amplamente conhecidos no desenvolvimento de sites, como flexibilidade, eficiência de uso, consistência, padrões e reconhecimento. Além disso, outros pontos também podem influenciar como é o caso do design responsivo, ou seja, adequação do site para as diferentes plataformas que podem ser utilizadas pelo usuário para chegar ao seu site.

Este último, diga-se de passagem, passou a integrar recentemente os critérios para ranqueamento de um site no Google e tem se mostrado um dos pontos fundamentais, devido à migração dos internautas para plataformas até então desconhecidas ou pouco utilizadas, por exemplo, os smartphones (80% dos acessos a internet em 2014) e as Smart TVs.

Autoridade

Além dos fatores internos para a otimização de sites on-page, você também precisa levar em conta os fatores off-page de sua estratégia de SEO. A autoridade de um site é um desses fatores e leva em conta alguns aspectos ligados ao seu domínio, página de seu site e links externos.

Em linhas gerais o Google leva em conta o seu relacionamento com os outros sites, quanto o seu site influencia outras páginas na internet e quantos links você recebe para o seu site. Entenda como tudo isso funciona na prática abaixo.

Autoridade do domínio

A idade de seu domínio também é relevante para construir a sua reputação na internet e atrair os mecanismos de pesquisa e usuários para o seu site. A autoridade do domínio leva em conta os seus conteúdos antigos e a relevância destes artigos para os usuários.

Numa equação simples, quanto mais velho o seu domínio e mais conteúdos antigos, mais chances de aparecer nos primeiros resultados dos buscadores. Além disso, os links externos espontâneos também contam para influenciar a autoridade geral de seu site.

Tenha em mente que os esforços de search marketing levam tempo para mostrar os seus resultados. A autoridade do domínio, por exemplo, é um aspecto que você só será capaz de medir a médio ou longo prazo, mas nem por isso deve abandonar completamente esta estratégia.

Autoridade da página

Lembre-se que o Google mede cada página de seu site de forma diferente, não é porque seu site possui grande autoridade em seu nicho de mercado que todas as páginas serão ranqueadas da mesma maneira.

Para aumentar a autoridade de sua página você pode usar de links internos, compartilhando a autoridade de páginas mais antigas com as mais novas, por exemplo. Outra técnica é adequar o seu conteúdo aos poucos até conseguir agradar o usuário definitivamente.

O acompanhamento das métricas por página é uma excelente forma de descobrir qual página de seu site possui maior autoridade, e quais ainda precisam ser trabalhadas para melhorar o posicionamento nos sites de busca.

Link building

Consiste em conseguir links de volta para o seu site (backlinks). Apesar de o Google trabalhar constantemente para diminuir o peso deste item nos resultados orgânicos, ainda trata-se de uma das melhores estratégias para impulsionar a autoridade de seu site e páginas individuais.

Entretanto, a exemplo da produção de conteúdo, o link bulding também se sobressai na qualidade dos links recebidos do que a quantidade. Em outras palavras, você necessita de uma estratégia consistente e adequada para conseguir links para o seu site, mas não deve transformá-lo no foco principal de SEO de sua empresa.

Invista na qualidade de seu conteúdo e os baclinks vão surgir naturalmente, como links naturais e editoriais que são mais valorizados pelos sites de pesquisa. Nesta etapa incluem os esforços de backlinks e guest posts também, ambos muito utilizados no marketing digital hoje em dia.

Conclusão

Neste artigo você viu que enxergar as coisas como o Google pode melhorar e muito os seus resultados com a otimização de sites. Também conheceu os fatores internos (on-page) e externos (off-page) capazes de influenciar o seu ranqueamento nos mecanismos de pesquisa.

Durante o texto, também mostrei a você como cada um desses fatores pode influenciar o posicionamento de seu site e como você deve proceder com cada um deles para melhorar a sua experiência com o SEO.

Além disso, ficou bem claro que independente das mudanças que os algoritmos do Google vêm sofrendo com o passar dos anos, a experiência do usuário ainda é muito valorizada para ranquear o seu site. Por isso, esta ainda é uma regra válida de SEO!

Espero que este artigo tenha sido útil para você e que o ajude verdadeiramente a melhorar os seus resultados orgânicos e atrair mais visitantes para o seu site.

Quer facilitar a otimização de seus posts para blog e outras páginas? Baixe nosso check list de SEO gratuito e tenha sempre a mão tudo o que precisa fazer para aparecer no Google. Inscreva-se para fazer o download!

banner checklist seo

Junte-se a mais de 575 alunos e descubra como atrair mais clientes com o marketing de conteúdo!

César Ribeiro

Avatar

César Ribeiro é o CEO do RedatorOnLine.net e consultor de marketing para pequenas empresas e profissionais liberais. Atua com marketing digital e marketing de conteúdo há mais 8 anos. Autor, empreendedor e apaixonado pela internet.

Website: https://redatoronline.net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *